2 de setembro de 2010

Beauty Fair 2010: duas versões de uma mesma pessoa

Beauty Fair – Feira Internacional de Cosméticos e Beleza. Voltada para profissionais, empresários e investidores em geral deste setor. Mas quando o negócio envolve creminhos e batons, qual mulher não fica com vontade de estar lá?

Bom, eu fui uma. E não é de hoje que necessito participar de um evento destes.

 

Entendendo as feiras temáticas:

Com minha experiência de feiras de negócios no segmento da construção civil, formei opinião de que estes eventos, mesmo que não sejam de utilidade comercial pra você, é sempre interessante se for de uma área que te atrai.

Nas feiras de construção e habitação da vida, que eu era obrigada a ir na época do técnico em edificações, da faculdade de tecnologia em construção civil e na de engenharia civil, deu pra sacar (até enjoar) mais ou menos o que rola.

Empresários do ramo, grandes ou pequenos, alugam um espaço para apresentar seus lançamentos, novas tecnologias, fazer negócios e ver e serem vistos. Pessoas da área visitam a feira para igualmente fechar negócios, conhecer os lançamentos que podem inovar o seu método de trabalho entre mil outras coisas que só gente que fala a mesma língua reunida pode proporcionar.

Acredito também que, mesmo não sendo do seu ramo de interesse, sempre há o que se absorver num evento de grande porte como estes. Fugi uma vez de uma feira (talvez a FEHAB – Feira de Habitação) e com minha credencial de estudante pude entrar na Feira de Franchising (feira onde, por exemplo, você pode adquirir uma franquia do Mc Donald’s ou d’O Boticário), que maravilha!

Um outro mundo a desbravar. Mesmo na ausência de responsabilidade desta época da minha adolescência, guardo boas lembranças de tudo que aprendi nestas poucas horas.

E a Expo Music? Feira voltada para os músicos e gente da indústria musical. Eu pagava pra entrar só pra ver shows e encontrar “casualmente” meus ídolos do rock de perto!

Daí, concluo e explico que meu lado mulherzinha que sempre amou cosméticos, como pode ser observado na lateral do blog nos depoimentos dos amigos, conhecer uma feira de beleza sempre foi um sonho. E agora com o blog, morando em São Paulo, mesmo estado do evento, era quase questão de honra ir… Fui!

 

Divido agora minha experiência em dois dias de feira, um relato como uma mulher comum que gosta muito de cosméticos e outro como blogueira*.

 

Beauty Fair na visão de uma mulher que ama cosméticos, mas não é do ramo da beleza:

Imagine um paraíso na terra? Um lugar enorme totalmente voltado para os cosméticos! Pois é, pra você que leu o texto até aqui não falei nenhuma novidade!

Mas o deslumbramento é inevitável e desculpa a redundância. Vários estandes de diversas marcas, na maioria das vezes muito bem projetados para divulgar, deixando ver todas as cores dos seus produtos dos sonhos de qualquer mortal. Alguns com mostruários para você pegar, cheirar, provar, usar e até comprar.

Beauty Fair Interação

Outros tinham profissionais contratados para fazerem demonstrações. Sem muita distinção do público que sentaria na cadeira, uma vez que tudo é oportunidade. Enquanto pintava meu cabelo no estande da Self Cosméticos, eu, como consumidora, aprendi sobre um produto que até então desconhecia. Os cabeleireiros que passaram tinham uma aula prática e os comerciantes e distribuidores viram como funciona o produto que eles pretendiam colocar em sua loja. Ou seja, sempre, não importa a sua qualificação, se aprende!

Beauty Fair Mulherzinha

Como dá pra ver nas imagens, como uma pessoa comum num local de negócios (e que negócios), eu e as outras mulheres pudemos nos divertir a beça.

E a feira era aberta ao público em geral, com convites sendo vendidos na porta por R$80,00. Bom, você não é da área, mas quer “pescoçar” o evento, então pague por isto, deve ser a ideia dos idealizadores.

Minhas amigas foram assim: uma como imprensa, outras duas como comerciantes, já que revendem produtos, e outras, que trabalham/possuem salão de cabelereiros, como profissionais. Eu fui como blogueira*.

E senta que o post não acabou…

Beauty Fair na visão de uma blogueira* comum:

Não sou famosa, não tenho milhares de seguidores no blog ou Twitter e não vivo dando entrevistas para a TV ou revistas. Sim, estou aqui com meu bloguinho, há pouco mais de um ano, falando sobre uma das coisas que mais amo na vida. Usando este espaço como um hobby e, claro, não serei demagoga em negar que se me proporcionar algum retorno com isto (seja ele dinheiro ou presentes) eu vá achar ruim.

Mas não é minha meta de vida ser pop. Fico feliz em ver que as quase mil seguidoras no gadet de seguidores do Google aí do lado, o fizeram de forma espontânea, porque eu nunca exigi isto de ninguém. Me alegra mais ainda receber algum recado ou e-mail de alguém dizendo que tal dica foi útil, saber que pude ajudar de qualquer forma com algo que decidi falar nesta rede mundial.

Também tem todo o lance das amigas que fiz, das coisas que aprendi… Um post só para isto não seria suficiente.

Daí que, apesar de tudo e apesar também de não gostar de rótulos, sou blogueira, e que seja com orgulho! Então me cadastrei na assessoria de imprensa da feira e consegui, como muitas outras, a credencial para visitar o evento, com nome de blog e tudo!

Beauty Fair Credencial

Cabe mais uma explicação: algumas meninas mencionaram que as blogueiras só foram à feira convidadas por marcas expositoras. Apesar de ter recebido convites (e agradecido) de algumas marcas, eu já tinha a credencial da própria Beauty Fair. Sem ninguém, exceto a assessoria de imprensa do evento, intermediando ou fazendo a triagem.

Então o “problema” da entrada estava resolvido e confesso que fiquei feliz e lisonjeada em ter sido oficialmente credenciada.

Com o blog cadastrado começou a avalanche de e-mails das assessorias de imprensa das marcas. Como sempre, algumas bem preparadas, e outras com e-mails bem sem noção, infelizmente, – do tipo “sugestão de pauta” com a foto e o release de um lançamento de uma nova marca de touca plástica de banho, por exemplo, formatado para ser postado, haha!

Triagem é triagem, assim como suponho que o blog passou por uma ao ser credenciado, fiz o mesmo com estes e-mails. Muitos convites legais e simpáticos, outros com opção de pré escolher brindes (ainda vou tocar no assunto) e/ou convites com confirmação para comparecer no estande.

Como pessoa com uma leve lembrança do tamanho do local, anotei num caderninho e imprimi um mapa com o nome dos estantes que enviaram convites. Os que tinham data e/ou hora marcada compareci. Os outros meio que foi na sorte, porque o local, se eu disse que tinha ideia que era grande, estava muito esquecida, pois é enorme, um mundo!

No primeiro dia eu andei com minhas amigas que estavam lá cadastradas como comerciantes, mas que na verdade estavam muito interessadas em conhecer as novidades. Da segunda vez, mais escolada, deixei as meninas à vontade e passeei com alguém com tanta pressa quanto eu, ou seja, nenhuma, ao buscar informações, que é a jornalista.

Não fui maltratada em nenhum lugar, em nenhum momento, em nenhum dia.

Claro, como disse, fui aonde fui convidada, mas o que pratico na “política de parcerias” (ainda me assusto com os rumos que esta palavra tomou na blogosfera), é não pedir “parcerias”. Coloco-me no local do outro. E do mesmo jeito que imagino que eu sendo assessora de imprensa de qualquer marca odiaria receber quilos de e-mail por dia com pessoas dizendo que criaram um blog e querem parcerias, eu imagino que sendo expositora não gostaria de receber alguém que chega pedindo um brinde, um “press kit” que seja, sem nem ao menos conversar comigo. E, que fique claro, não fiz isto e não vi ninguém fazendo.

E já disse, inclusive neste longo texto mesmo, que o que vier é lucro, eu fui lá pra conhecer e buscar informações. No máximo, quando a pessoa perguntava, afinal estava estampado no crachá, eu dizia sim que era de blog e gostaria de obter informações, ou me apresentava dizendo que estava ali por causa do convite por e-mail, ou então só ia perguntando as novidades, afinal, nem todos os estandes/marcas convidaram as blogueiras desta forma – acho que eles (os que não convidaram) imaginam que quem vai à feira inevitavelmente passará pela frente, né?

E assim, como em uma loja de shopping, se alguém me trata de jeito meio estranho, eu nem dou o tempo da pessoa terminar, simplesmente vou embora. Sorte ou não, só percebi um nariz meio torto de uma “vendedora” de um estande de esmaltes e, embora não justifique, até entendi que ela deveria estar cansada por ser último dia de feira, mil pessoas tagarelando e perguntando coisas no ouvido dela.

Quero mencionar que fui muito bem recebida pela Marchetti, Amend, Koloss, Fing’rs (que preparou um espaço para blogueiras), Star Active (fofo Tiago), Baltuá, Stein (estas duas últimas, novas marcas de maquiagem), pela citada Self Cosméticos, Kreati e muitas outras que vou dizer agora que NÃO me lembro de todas mesmo, pra não ser injusta. E, claro, até o fim do ano, muitas delas ainda aparecerão por aqui.

Então, não sei se é minha postura, ou se foi sorte, como disse, não fui maltratada por ninguém. E, como blogueira, só posso acrescentar que foi uma experiência enriquecedora.

Ou empobrecedora, no sentido literal da palavra, porque blogueira, negociante, profissional da área ou não, haviam muitas lojinhas que proporcionaram a compra de muitas marcas que ou só vendem para profissionais, como a RZ Professional Makeup, e lá estava disponível, ou porque a distribuição ainda não alcança todo mundo, como a Speciallità.

Beauty Fair Comprinhas

Daí, falando em compras, lembrei que prometi que falaria dos brindes.

Brindes:

Já disse que não peço, não condeno quem peça, mas eu, particularmente, tenho vergonha mesmo. Claro que, não vou negar, lá no estande da Fina Flor, apesar de ter recebido, espontaneamente, a coleção lançamento de esmaltes Doçura, chorei pelos glitteres concentrados, que não estavam à venda e não acho pra comprar em São Paulo. E eu sou fanática por brilho! Rolou um chororô e fui consolada! :)

Mas andando e/ou parando ganhei bastante coisa, muitas amostras que, como toda feira (já falei das feiras de construção né? foi lá que montei meu kit de tijolinho, telhazinha e privadinha miniaturas), são distribuídas mesmo. Faz parte do show! Na feira de franquias, aquela da época do colegial, voltei lotada de sachês de tudo quanto é coisa…

Outros estandes, como a Fing'rs ou a Amend, por eu ser blogueira, e eles estava esperando mesmo isto, tinham o kit de produtos para divulgação pra pessoas que eles sabem que vão usar e, eventualmente, comentar. Era uma troca de agrados.

Quem não dava brinde ou amostra disponibilizava de alguma forma seus produtos e não acho ruim por isto, tudo é material. Catálogo pra levar pra casa, fotografia pra guardar o swatche do batom... Ou eu sou muito Poliana, ou estava deslumbrada, muitas podem pensar, mas aproveitei mesmo assim.

E não condeno nem a postura da Vult, que não estava lá para abrir o espaço para ninguém, repito, NINGUÉM. Fui informada que a área reservada deles era especifica para fazer negócios, e na hora que parei pra perguntar, pude ver o segurança olhando os crachás e liberando apenas donos de distribuidoras ou lojas. Cada marca sabe o que foi fazer na feira, né? E vem cá, Vult todo mundo pode ver na lojinha da esquina.

 

Para finalizar o giga post e o assunto brindes, com ou sem eles, muita gente saiu de sacola cheia (culpa em parte das compras), pena que a feira foi antes do meu pagamento e no fim de mês eu já estou falida (sempre). Espero voltar no ano que vem, mais escolada e já sabendo que vai ser depois do quinto dia útil.

 

Beauty Fair – de 10 a 13 de setembro de 2011! Nos vemos por lá?

Smiley piscando

28 comentários:

  1. Adorei seu relato, Carlinha! Que invejinha branca a minha... acho que voltaria de sacoladas pra casa (rs).

    Nossa, e o lance de servir de cobaia... ai, eu ia passar o dia inteiro lá sendo paparicada! (rs)

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Estava só esperando a sua visão sobre os fatos e já tenho as minhas conlusões rsr...quero no ano que vem poder participar e quem sabe nos encontramos einh? Bjs, lindona...como sempre adoro sua maneira de passar os assuntos e escrever!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Carlinha!!
    A-D-O-R-E-I sua análise da Beauty Fair.

    Me incomodou um pouco a avalanche de reclamações dos blogs grandes sobre a feira. Não é segredo para ninguém que as marcas vão mandar alguns releases depois, ainda mais com o cadastro feito pela própria assesoria da Beauty Fair, é óbvio que as empresas farão seu próprio filtro.

    Eu fui no domingo, tava uma MUVUCA sem fim, e, tirando a Vult, não fui maltratada por ninguém. Não ganhei brindes porque estava com uma credencial MALDITA chamada "Convidado VIP". Mas é insano poder ver, tocar, experimentar lá mesmo as novidades que só veremos mais a seguir nas lojas, ou, no caso de Duda Molinos e Vult "só Deus sabe quando".

    Beijos

    Verinha
    www.amarelbinnaz.com.br

    ResponderExcluir
  4. Carlinha,
    também adorei seu relato e, como você, eu ia adorar estar nesse mar de beleza. Porque o tema me atrai e também gosto destas feiras!
    Estou pensando seriamente em ir no ano que vem. Além de ir a feira, eu poderia te encontrar!!!! Porque ser paparicada e ver produtinhos que amamos é maravilhoso, mas poder fazer isso com alguém que divide essa paixão e nos identificamos é mil vezes melhor!
    Fica a sugestão desta sua leitora.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Muito bom seu e-mail! Conta depois o que vc trouxe de bacana! Nem sabia desses esmaltes de glitter da Fina Flor. Tomara que eu receba algum aqui! BJJ

    ResponderExcluir
  6. Carlinha...
    Adorei o post, gostei de seber da sua postura e visão de tudo o que rolou bna feira...
    Até pq, não pude ir e só tenho visto na blogosfera as meninas criticando uma e outra marca...
    Bjks e ótimo final de semana!
    Anna

    ResponderExcluir
  7. Oi Carlinha!
    Querida, concordo plenamente sobre esses blogs q exigem seguir no twitter, perseguir no facebook, indicar amigas, etc!! rs
    É por isso q o seu é o unico q estou seguindo por livre e espontanea vontade - justamente por que não tem pressão e adoro seus posts caprichadissimos!!! :-)
    Adorei seus comentários da feira, pq eu tb não tenho como ir. Fico por aqui.
    Bjinhos e bom feriado, Lucie

    ResponderExcluir
  8. Carlinha tb adoro feiras! Principalmente essas "fora de área", aprendemos coisas q nem imaginavamos!
    Bom ver sua visão sobre a Beauty Fair ;)
    Bjinhos!

    ResponderExcluir
  9. Amei o post. Acho o fim pedir brinde, pedir parceria, todas essas coisas, nem consigo acreditar que tem gente que tem cara de pau para fazer isso mesmo... beijos, Manoella

    www.in-vestindo.com

    ResponderExcluir
  10. Ai Carlinha, nem me fala, eu acabei indo meio que só como consumidora mesmo, devido a alguns acontecimentos, me apresentei como blogueira só a quem já tinha confirmado presença anteriormente, mas admito que fiquei meio doidinha lá, se tivesse que relatar tudo minuciosamente, precisaria de mais uns dias, infelizmente fui um dia só (e não consegui te encontrar lá, mimimi!), então me dei ao luxo de surtar, perder a linha comprando esmaltes na ikesaki e ficar faceira de feliz vendo as novidades, quem sabe no futuro eu não volte a frequentar uma Beauty Fair com a intencão de controladamente relatar tudo, =P hehe, falando nisso, o blog tá no ar já, só que com lay provisório, vê lá www.chezbelle.com ! beeeijos!

    ResponderExcluir
  11. Carlinha, que lagal seu relato de ter sido bem atendida! Muita gente está reclamando por aí...
    Que bom q vc curtiu, aproveitou e tirou proveito das coisas boas pra dividir com a gente!
    Beijão pra vc!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Carla!

    Li bastante sobre o evento nos blogs. Criticas e elogios à parte, percebi que o lado negativo se deu à pessoas que confundem a visão de comerciante, consumidora e divulgadora (blogueira). Algumas divulgadoras acharam que a entrada é obrigatoriamente VIP rs e as empresas acharam que podem comprá-las com batons e toucas de banho hehe

    beijo

    p.s. obrigada pela resposta no outro post. pena mesmo, queria fazer uma gambiarra com um óleo que tenho aqui rsrs

    ResponderExcluir
  13. Eu morro de vontade de ir na feira!
    Ano que vem vou me programar para ir com o pessoal daqui, como profissional!

    Essa coisa de brindes é muito chata mesmo! Mas cada qual sabe o que faz, né?

    Ah... fiquei muito feliz com seus comentários! Ri até!

    Beijos
    Hellen

    ResponderExcluir
  14. Adorei seu relato/história Carlinha!!!
    Ano q vem vou me programar para deslumbrar esse mundo q é a Beauty Fair!
    Ví que vc e as meninas se divertiram pakas hein?! Legal demais!
    Adorei o post..bem explicadinho e isso é 10 pois tem muita gente q como eu nunca foi e pelas suas palavras dá pra se ter uma dimensão da coisa. valeu...foi a postagem mais completa sobre a feira q eu lí até agora!
    Bjão linda! Saudades viu?! Bom domingo e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  15. Mariani, obrigada! Beijos!

    Dáfni, o lance de ser cobaia foi a cereja do bolo desta festa. Amei mesmo. Acho que toda mulher tem que passar por esta experiência nem que seja uma vez. Beijinhos!

    Paula, com certeza quero te encontrar no ano que vem! E obrigada por esperar e confiar na minha visão dos fatos. Procurei mostrar a real, o que vivi. E, claro, num mundo de cores e maquiagens eu não tinha olhos para nada feio. Beijos!

    Verinha, você deixou pra ir no pior dia da muvuca. Eu fui nos dois dias sugeridos como mais vazios. Foi quase um paraíso perto do que fiquei sabendo (e lendo pelo Twitter) que foi o domingo e a segunda.
    Quanto ao crachá, foi raro o stand que realmente olhou o que estava escrito. Talvez eu seja bem convincente, ou realmente estava tão interessada em tudo que parava pra ver, que tive atenção das pessoas. Imagina na Catherine Hill, que pelo tipo de stand as vendedoras nem conseguiam ver nosso peito, que dirá o crachá? E lá mesmo com toda a paciência pararam, mostraram, deixaram até serem fotografadas. Falo também da Anaconda que nem sabia que eu era de blog e conversou na boa, me deixando tirar fotos e ajudando a fuçar nos mostruários. Acho que chegar com educação e mostrar interesse o vendedor ou expositor vai ter prazer em explicar.
    Ou talvez eu tenha tido sorte, como mencionei duas vezes no post.
    O fato é que eu vivi uma experiência muito positiva nesta feira e quero voltar novamente no ano que vem!
    Beijos!

    Denise, então se programe, porque você já viu inclusive a data, haha! Realmente uma cia tão interessada quanto a gente faz toda a diferença. Tive muito mais liberdade para fuçar, cheirar e questionar no segundo dia, quando estava com a jornalista, que também gosta de maquiagem, do que quando fui com as meninas que queriam apenas consumir. E andar com você vai ser um prazer!
    Beijos!

    Karen, tomara que você receba. Os esmaltes de glitter forte são três cores, prata, ouro e furta cor. Realmente são beeeeem concentrados. Acho que você vai adorar. Vou tentar me organizar, usar algum e tentar postar ainda esta semana. Acabei de pintar uma estante no quarto e amanhã vou ver se organizo a casa, nem as sacolas da feira eu consegui desfazer. :(
    Se tudo der certo, mostro os swatches destas maravilhas e de algumas outras coisas bacanas.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Anna, na verdade foi uma onda de criticas, né? Realmente não assisti nada de feio. Pelo tipo de roteiro que fiz, pude ler no twitter depois que andei quase que na contra mão dos lugares que as outras blogueiras foram. Tanto é que conheci apenas umas quatro no estande da Fing’rs e foi um clima amigável, inclusive pelo espaço da marca exclusivo para “nossa laia”!
    De qualquer forma, você leu o relato, a experiência foi boa e não tive nenhum tratamento torto por parte de marca alguma. Beijinhos!

    Lucie, obrigada pelo carinho. Como disse procuro me colocar no lugar do outro. Também odeio ter que seguir blogs, já fiz muito isto no começo (de virar seguidora) por causa de brindes e sorteios. Depois comecei a me sentir meio palhaça e, se eu não gosto disto, porque obrigaria os outros a fazerem?
    Além de que, saber que as seguidoras estão aí sem nenhum outro interesse é muito mais gratificante.
    Beijos e ótimo feriado pra você também!

    Scheila, você é da área de fora também, né? De todo modo, acho que todo mundo tinha que ir em alguma feira um dia, seja ela de estudante, de livros, sapatos... É um mundo temático que nunca deixa de ser agregador de conhecimento. Beijos!

    Manoella, acho que tem que ter boa dose de cara de pau mesmo. Eu ainda sou muito conservadora, mal sei ganhar um presente, fico toda sem graça, imagina pedir? Só de lembrar a cara que devo ter feito por causa dos glitteres concentrados da Fina Flor, me queimo de vergonha, haha!
    Beijos!

    Bel, eu também fiquei toda mimimi porque não te encontrei. Assim que cheguei fui pro Stand da Star Active, então lá mesmo encontrei a Gabi do Lipstick Corner e ela me falou que o encontrinho de blogueiras tava meio fora de forma, as meninas se desencontraram. Daí, que já estava com minhas amigas, aproveitei a desculpa do desencontro e me deixei ficar sem graça de largá-las por lá sem mim, que fui junto com elas.
    Mas, de uma próxima vez, trocaremos telefones para não corrermos o risco de não nos esbarrarmos nem que seja pra tomar uma água. Eu tenho um carinho enorme por você!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Samantha, bom, mesmo que alguém tivesse torcido o nariz pra mim, eu não teria dado tempo de ser mal atendida, teria virado e procurado quem quisesse me dar amor, haha!
    Talvez, como disse no post, tenha tido sorte. Sorte ou não, minha experiência foi tal e qual está relatada e me deixou com gosto de quero mais no ano que vem!
    Beijos!

    Brenda, acho que realmente ouve um confronto de informações, sem falar depois nos ânimos exaltados que este falatório todo causa. De qualquer forma, parece mesmo que houve gente dando piti e blogueira roubando ou se passando por outra mais famosa, felizmente não vi nada disto e pude contar só coisas boas, porque foi o que vivi nos dois dias que fui.
    Quanto ao óleo que você tem, que tal tentar investir nestas canetas de acetona/removedor, que secam muito rápido, no máximo cinco, seis usadas. Eu comprei uma na 25 e não paguei nem cinco reais. Comprei numa loja chamada Konnen, que tem post aqui no blog, e pelo que sei eles vendem on line. Embora, é bom lembrar que as canetas “limpadoras de esmaltes” não tenham o sistema amortecedor que a caneta da Universo Beauty tem, que é que faz o óleo descer... Bom, sei lá. Se você já tem um óleo, use-o mesmo assim. Sempre é bom. Eu tenho um também que não é em forma de caneta, da China Glaze, e aplico com os dedos, gostando bastante do resultado final.
    Beijinhos!

    Hellen, haha, espero mesmo que cada um saiba o que faça, porque até eu me pergunto se minha postura é a correta. De qualquer forma, é a maneira que me permite botar a cara aqui e deitar a cabeça no travesseiro a noite, sem nenhum peso na consciência.
    Fico feliz que meus comentários, mesmo depois de algum tempinho sumida, tenham te feito sorrir, haha, palhaça ativada esta noite! Beijocas!

    Cátia, vá se programando mesmo. Deslumbramento total pra gente vaidosa e loucas por make como nós!
    Fico feliz que o post gigante, pra quem teve paciência de ler, dê pra ter uma idéia de como foi. Pelo menos acredito nisto lendo comentários como o seu!
    Beijos e obrigada pelo carinho!

    ResponderExcluir
  18. ai Carlinhaaa
    estou louca por essa feiraaa
    sera q ela vai para outros estados? nao ne? rs...
    snif....
    mas como vc fez para se cadastrar na assessoria de imprensa???
    bjocaaaa

    ResponderExcluir
  19. Carlinha,

    Eu adorei sua visao da feira. Extremamente imparcial, sem ofender ninguem mas sendo sincera com suas opinioes e falando a verdade sempre!

    Esta experiencia de cobaia as vezes e muito boa mesmo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Eu vou falar q eu acho uma tristeza blogueira q fica atrás de empresa em troca de brinde, de produto, acho uó.

    Aí as empresas acham q blgoueiro é brincadeira, q tá atrás de brinde de se dar bem, q se vende por pouco.

    Nada contra ganhar coisas, nada mesmo. Mas acho q tem q ter dignidade e não usar blog pra ganhar coisinhas.

    Bjsss.

    ResponderExcluir
  21. Oi Carlinha, gostei do seu post
    Eu só vi reclamação por ai!
    Mas deve ter sido divertida essa feira kkk
    beijos

    ResponderExcluir
  22. Ah se eu morasse mais perto hehe
    Ainda irei nessa feira!

    Beijos flor!

    ResponderExcluir
  23. Nossa!!
    Deve ser um sonho uma feira assim!!! Cheia de novidades cosméticas, pessoas pra gente tirar dúvidas, comprar e conhecer marcas!!!!!
    Como eu queria ter ido!!!
    Espero ir ano que vem!!! E aí, sim, nos encontraremos lá! ;)
    Bjo

    ResponderExcluir
  24. Nah, esta feira só acontece em SP, mas fica de olho na internet, sempre tem eventos similares acontecendo. Inclusive no Sul, acho que teve um este ano. E quanto ao cadastro, respondi lá no seu blog, mas deixo aqui. Foi uma solicitação através do site da Beauty Fair, tinha um espaço de credenciamento de blogs/imprensa (oi?) por lá. Beijos!

    Van, obrigada pelo carinho com minhas opiniões. E, olha, ser cobaia naquele lugar foi uma delicia. Dá vontade de repetir sempre! Beijinhos!

    Cris, quem fica só atrás de brinde é triste mesmo. Concordo com você. E também acho que as empresas tem um papel fundamental nisto. Se todos repararem, publicidade sem controle provoca uma promoção sim, mas negativa. Não acha?
    Beijos e obrigada por vir aqui!

    Dea, eu não reclamei porque, sinceramente e felizmente, como mencionei no post, não vi nada de negativo. Lógico que ao andar e lidar com gente num espaço destes tem sempre os prós e contras, mas nada tão grave que me fizesse generalizar ou chegar a conclusão que a feira foi aborrecimentos. No final, minha balança foi isto, um lugar de onde voltei deslumbrada de ver tantos cosméticos juntos!
    Beijinhos!

    Day, assim que se fala. Você está no mesmo estado que a feira, já é uma vantagem. Se programe e venha o ano que vem, vale a pena! Beijos!

    Aninha, a feira é mesmo tudo isto que você falou. Parece até que esteve lá.
    Enfim, te espero no ano que vem mesmo. Beijinhos!

    ResponderExcluir
  25. Ei muito lendo os comentários e suas respostas...não estou sabendo de nada, fiquei bem alienada essa semana...que babado...
    Mas voltando ao post, gostei muito do jeito que vc escreveu, eu iria até lá com o mesmo espírito. Esse pessoal dos stands deve sentir o cheiro de 'blogueira mendiga' a distancia...e como vc era outro nível e pegou dias mais calmos, foi bem tratada.
    Bjins.

    ResponderExcluir
  26. Lisi, você não perdeu nada ficando “alienada”. Eu até meio que perdi o tesão de postar sobre a feira. Depois, parei e pensei que eu tinha vivido uma experiência boa e foi isto que resolvi passar e sim, eram dias mais calmos. Beijinhos e obrigada pelo carinho!

    ResponderExcluir
  27. ola meninas alguem preciosa de convites vip
    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-583365055-convite-vip-feira-beauty-fair-2014-valido-para-os-4-dias-_JM
    grato

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...